July 27, 2014, 9:11 pm

In order to view this object you need Flash Player 9+ support!

Get Adobe Flash player
Joomla! Slideshow
Home
Democratas apresentam proposta de reforma imigratória PDF Print E-mail
Written by Redação   

No dia 22 deste mês, aconteceu mais uma tentativa da ala democrata no Senado de aprovar uma reforma imigratória. A proposta foi apresentada pelos senadores democratas Robert Menendez (NJ), Dick Durbin (IL) e Patrick Leahy (VT), que se juntaram a John Kerry (MA) e Kristen Gillibrand (NY) para escrever as primeiras versões do texto.

 

Para atrair o apoio de alguns republicanos, os senadores basearam a proposta no fechamento completo da fronteira. A proposta é multifacetada: expande a segurança na fronteira, pune empregadores que contrarem ilegais e exige que indocumentados paguem impostos e uma multa, aprendam inglês, se submetam a uma checagem criminal e entrem no fim da fila para esperar a residência permanente.

Enquanto os detalhes do texto vão sendo liberados aos poucos, já é possível dizer que a parte mais polêmica é aquela que pede para os imigrantes se registrarem no governo antes de qualquer legalização. “Hoje nós vivemos sob uma sistema de imigração que está quebrado, e que enfraquece a segurança, prejudica trabalhadores e não segue qualquer padrão de justiça,” disse o senador Durbin (IL).

Para o senador Robert Menendez (NJ), um dos autores da proposta, a nova tentativa de reforma imigratória pode apelar para aqueles que sempre defendem táticas mais duras de imigração. “Tem provisões que defendem expandir a segurança, mostrando que estamos sérios quando falamos no assunto,” disse ele. “Será um pcesso longo, que cobre segurança, sanções a empregadores, reflete sobre a vinda de novos imigrantes, além de oferecer um sistema de legalização merecida, do DREAM Act e de empregos na agricultura,” completou.

A proposta foi apresentada poucos dias depois de o Departamento de Imigração ter anunciado que vai promover mudanças no controverso programa “Comunidades Seguranças.” As mudanças, que incluem a criação de um método mais criterioso para prender e deportar apenas imigrantes criminosos, foram encaradas pela ala mais radical do partido republicano como um passo em direção à anistia.

Por outro lado, Menendez confirmou que chegou a pedir ao presidente Barack Obama para usar o seu poder administrativo para relaxar a deportação de algumas famílias imigrantes, principalmente aquelas que já incluem cidadãos americanos, ou os jovens que se qualificariam para legalização sob o DREAM Act.

No entando, o próprio Menendez reconheceu que se o presidente atendesse o seu pedido, ele não estaria promovendo reforma imigratória, mas mostraria que deseja ajudar as comunidades imigrantes.

O senador de Nova Jersey revelou que já tem o apoio de alguns republicanos. “A realidade é que os republicanos não podem continuar manifestando as suas posições (sobre imigração) e ainda ganhar eleições,” concluiu ele. Como ocorreu nas outras vezes em que democratas tentaram introduzir projeto de reforma imigratória no Congresso, a liderança republicana fez silêncio mais uma vez.

 

Fonte: O Globo

 



Especial Miss Mirim

Dicas da Semana