[layerslider id="15"]

Você sabia que é possível passear com o gato na coleira?

Você sabia que é possível  passear com o gato na coleira?
03 maio 2018

CAPA SOUTH FLORIDA 34Se você é dono de um gato já deve ter pensado na possibilidade de levar o bichano para passear, tomar um pouco de sol. Entretanto, por serem muito independentes, essa tarefa pode ser um pouco difícil. Os felinos não são como outros animais, como os cachorros, e não aceitam serem conduzidos com facilidade.
Passear com o seu gato pode fazer bem para a saúde dele, despertando traços do seu instinto que ele não teria acesso dentro de casa e o fazendo sentir mais liberdade. Mas é preciso tomar algumas medidas de segurança para evitar que o pet se assuste ou entre em situações perigosas. Por isso, o uso de uma coleira é primordial.

Por que é tão difícil passear com os gatos?
O fato que muitos gatos nasceram e cresceram dentro de casa (não tendo contato algum com o mundo exterior) faz muitos bichinhos morrerem de medo de irem para a rua. Se esse for o caso, respeite o comportamento do pet e não o obrigue a passear, esse estresse poderá fazer muito mal para ele posteriormente. Um adestrador especializado em felinos poderá indicar a melhor forma de proceder.
Os felinos também são animais extremamente obcecados com o controle do seu território. A grande maioria dos bichanos não consegue relaxar se não conhece o ambiente que está presente e não possui um “esconderijo” ou rota de fuga. Ter isso em mente é importante na hora de escolher a rota do passeio. Opte sempre pelo mesmo lugar, de preferência praças e locais pouco movimentados. Lembre-se de levar a caixa de transporte do pet e mantê-la sempre aberta, assim ele poderá se esconder caso sinta a necessidade

Preparando o gato para o passeio
Apresente os equipamentos para o seu pet antes do passeio. Mostre para ele a coleira ou peitoral que irá usar, deixe que ele o cheire, brinque e vá se acostumando. Após esse primeiro contato, coloque o acessório no bichinho e deixe que ele ande livre pela casa com ele.
Nunca deixe a coleira muito frouxa, de modo com que o gato possa arrancá-la, mas também não aperte demais.
Também faça esses passos em algum lugar privado e ao ar livre, como o jardim da sua casa.

Passeando pela primeira vez com o pet
Antes de ir para a rua, certifique-se que o gatinho está com todas as vacinas em dia e saúdavel. Se o seu pet não estiver esterilizado, não o leve para fora em época de cio.
Na hora do passeio, vá até a porta e deixe que o pet tome a iniciativa de sair sozinho. Caso ele se sinta à vontade, caminhe junto a ele, sem força-lo em nenhum momento. Diante qualquer sinal de nervosismo ou medo, retorne imediatamente para casa.
Não esqueça de premiá-lo após qualquer esforço positivo, para que assim ele saiba que está fazendo a coisa certa!

Por Canal do Pet

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *