[layerslider id="15"]

Reabilitação

Reabilitação
19 mar 2019

O SeaWorld, ao contrário do que muitas pessoas pensam, vai muito além do que apenas um parque de diversões. O parque possui centros de reabilitações especializados em diversos animais marinhos, com o objetivo de reabilitá-los e devolvê-los ao oceano. Os especialistas já ajudaram mais de 33 mil animais necessitados, doentes, machucados, órfãos ou abandonados, nas últimas cinco décadas.

Enquanto a população dos Estados Unidos enfrentava a onda de frio que atingiu o país em meados de janeiro, as equipes de resgate de animais na Flórida já percebiam os efeitos causados pelas baixas temperaturas nas populações de manatees.

Um macho adulto de 329 quilos chegou ao hospital de cuidados intensivos do SeaWorld Orlando com sintomas de hipotermia, estresse devido ao frio, com desidratação e abscessos.

O animal foi resgatado no lago Griffin, no centro da Flórida, pela Florida Fish and Wildlife Conservation Commission (FWC), Sea2Shore e membros locais do Save the Manatee Club. Após uma avaliação em campo, o manatee foi transferido para o parque, onde os veterinários começaram o tratamento com antibióticos, fluidos e outros cuidados. “Mesmo aqui na Flórida, as temperaturas estão chegando a menos de 20°C, que é o limite para os manatees sobreviverem,” explica Jon Peterson, gerente de Operações de Resgate do SeaWorld Orlando. “Esses animais precisam de águas mornas e quando as temperaturas caem eles têm grande chance de sofrer com o frio. O nosso objetivo para esse peixe-boi é continuar o processo de reabilitação aqui no SeaWorld e devolvê-lo à natureza quando a temperatura esquentar, ” acrescentou Peterson.

Em 2018 a equipe de resgate do SeaWorld ajudou a resgatar o número recorde de 72 manatees afetados por diversos motivos, incluindo estresse devido ao frio, maré vermelha e encalhamento. O SeaWorld trabalha em conjunto com a Manatee Rescue & Rehabilitation Partnership (MRP), um grupo cooperativo que reúne organizações sem fins lucrativos, entidades privadas, estaduais e federais que trabalham juntos para monitorar a saúde e sobrevivência dos animais que foram reabilitados e devolvidos.

A equipe de resgate do SeaWorld está disponível 24 horas por dia, 7 dias por semana, 365 dias por ano, para ajudar a dar uma segunda chance de vida a animais marinhos.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba as novidades BrazilUSA

Faça parte de nossos assinantes e receba todas as novidades da BrazilUSA.

You have Successfully Subscribed!