[layerslider id="15"]

“Piolhos do mar” infestam praias da Flórida

“Piolhos do mar”  infestam praias da Flórida
20 out 2018

CAPA SW FLORIDA 23Apesar de já estarmos no outono, a temperatura segue agradável, o que faz com que muitos sigam desfrutando das praias da Flórida. Mas o Departamento de Saúde do estado emitiu um alerta sobre uma infestação de minúsculas criaturas carnívoras que atacam banhistas, causando muita dor e problemas na pele.
Conhecidas como “piolhos do mar”, essas minúsculas criaturas, são larvas de água-viva e não podem ser vistas a olho nu. Um banhista pode levar mais de 100 picadas ao entrar apenas uma vez no mar.
Até o momento, as praias que mais apresentaram infestação dessas larvas carnívoras foram as de Pensacola, mas já foram relatados casos em Broward e Palm Beach. Especialistas acreditam que outras praias também podem ser infestadas em breve.

SINTOMAS
Ao ser picado, o primeiro sintoma é o de muita coceira o que irrita a pele, gerando erupções cutâneas dolorosas que podem permanecer de dois a sete dias. Entretanto, há pessoas que também apresentam dor de cabeça, náuseas, vômitos, diarreia, dificuldade para dormir e dores musculares. Importante ressaltar, que a coceira não é sentida no momento do ataque, apenas algumas horas depois, o que torna o problema mais sério, pois só aí é que será possível notar quantas picadas o banhista recebeu.
Apesar do desconforto e das dores causadas pelas picadas, especialistas afirmam que não há risco de morte nem de contaminar outras pessoas. Entretanto, é preciso buscar ajuda médica, e redobrar a atenção no caso de crianças, pois elas possuem menor imunidade.

CUIDADOS
A recomendação do Departamento de Saúde da Flórida é para que mesmo em praias onde a infestação ainda não tenha sido detectada, os banhistas entrem com pouca roupa na água; no caso dos homens, só de sunga; e nos das mulheres, de biquíni, isso porque, os piolhos do mar se fixam na trama do tecido, logo, quanto mais roupa, mais chances de ataques. Também é importante, assim que sair da água, tomar um banho de chuveiro e retirar as peças que estava usando quando entrou no mar. Em casa, as roupas devem ser lavadas com vinagre e álcool.
Essa não é a primeira vez que as praias da Flórida sofrem com piolhos do mar. O fenômeno ocorre devido a mudança nas correntes marítimas. Algumas praias já receberam placas de aviso, mas por ora, nenhuma corre o risco de ser fechada.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *